Medo de Espírito

terça-feira, outubro 07, 2014


Durante minha infância inteira, a coisa que eu mais tinha medo era de espírito. Ir ao banheiro de madrugada era uma tortura. Eu chegava a ver vultos, ouvir barulhos suspeitos e sentir o meu cabelo mexer sozinho. Um horror. Dormi na cama dos meus pais várias noites até estar bem grandinha - pra não dizer praticamente adulta!



Pra adormecer no meu quarto era preciso deixar a luz acesa e a televisão ligada, e mesmo assim eu espiava o local de hora em hora, pra ver se não encontrava algum antepassado me observando de dentro do armário. Eu vivia cansada e com sono, dormindo no sofá enquanto passava Chaves antes de ir pra escola.
Chegaram a m colocar numa psicóloga, que lançou a ideia de que eu era médium - e isso, óbvio, me deixou mais apavorada que nunca.

Acho que nenhuma criança quer um superpoder de ver gente morta.
Queremos voar, ficar invisíveis, mover caneta com o poder do pensamento... mas ver gente morta não me parecia uma coisa muito vantajosa. À noite, rezava pra ninguém vir falar comigo, aumentava o som da televisão e dormia com a mão tapando o ouvido. Quando contei pra uma amiga que a psicólogo achava que eu era médium, minha amiga nunca mais me convidou pra dormir na casa dela. :(

Quando, aos 23 anos, resolvi que ia morar sozinha, minha mãe não entendeu nada. "Mas como assim morar sozinha? Você mal consegue dormir sozinha..."

Acontece que tinha cansado de sentir medo. Achei que indo morar sozinha, ou eu ficaria corajosa ou aprenderia a conversar com os mortos de vez - quem sabe até jogar baralho com o seu tataravô e saber de todas as fofocas da infância da sua avó e bisavó?

Escolhi um bairro bem movimentado, com super mercado 24 horas ao lado e um restaurante badalado na frente. Sim, porque quando as pessoas estavam acordadas enquanto eu dormia, eu me sentia mais segura, sabe? Tipo: se eu gritasse porque um pirata do século passado entrou no meu quarto elas iriam ouvir e vir me salvar. Minha vizinha de cima dava uma festa atrás da outra e seu achava isso ótimo, até curtia as músicas.

Hoje em dia, com meu 32 anos - quase 33 -, ainda não sou a pessoa mais destemida quando tenho que buscar água na cozinha às 3h da madrugada. Mas já não preciso dormir com a luz ou a TV ligadas, não vejo vultos nem escuto vozes. E, olha, posso dizer inclusive que aprecio o silêncio da madrugada.

Agora que estou mais velha, quero mais é que todo mundo vá dormir cedo. Tô quase evocando meus amigos espíritos da infância para assustar quaisquer pessoas que não estejam e m silêncio absoluto a partir das 23h. Acho que fiquei corajosa!
Só aos 32, mas finalmente fiquei!

Autora: Camila Fremder

You Might Also Like

10 comentários

  1. adorei o texto! eu estou com 28 anos e finalmente me estabelecendo financeiramente para poder morar sozinha, tbm serei destemida

    www.tofucolorido.blogspot.com
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  2. Oi, linda! Já pensou em fazer um trabalho de libertação espiritual na Igreja? Pode ajudar muito. ♥
    Sei que os medos já passaram, mas se ainda tiver algum problema com isso, Deus pode te ajudar. ;)
    Beijos, Kah!
    www.normalidadeincomum.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá querida amiga tudo bem.
    Passando para te desejar uma semana cheio de paz e luz
    Ah e desculpe a demora em responder,mas tanta correria...
    Beijos e muito sucesso amiga!!!

    http://diferencial2000.blogspot.com.br
    Lojinha:candylandy.loja2.com.br
    http://amoimportados.loja.bz/

    ResponderExcluir
  4. Oi querida, todos seus medos vão passar ...ore sempre a Deus pra te dar sabedoria p vencê-los, sejam quais forem !
    beijos,
    Adri e Claudinha
    http://www.unhasebocas.blogspot.com.br
    Instagram : @blogunhasebocas
    https://www.facebook.com/pages/Unhasbocas/477832645611169?fref=ts

    ResponderExcluir
  5. que tenso isso né! eu às vezes tenho uma sensação de que tem gente atrás de mim.. por isso evito assistir filmes de terror ou que tenham algo a ver com espíritos, porque sou muito impressionável....

    xoxo
    Guria do Século Passado

    ResponderExcluir
  6. Quem nunca teve medo do sobrenatural que atire a primeira pedra rs...

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  7. Quando criança era igual voce.. Mas as coisas mudam e nossos medos também ne?

    www.chadecalmila.com

    ResponderExcluir
  8. Olá Carol! Quando criança e adolescente eu tbm era assim, e me disseram a mesma coisa!
    Mas um dia eu conheci alguém especial chamado Jesus, eu entreguei minha vida a ele, e nunca mais estive sozinha!
    As vezes o medo (outros tipos) tenta bater a porta, mas como sei que não estou mais só, não dou a mínima! Hehehehe

    Adorei seu cantinho! Beijo grande!

    http://bycarlagomes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi minha linda
    Eu também era como você tinha medo até de apagar a luz e sair e ter que ficar de costa pro escuro rsrs...
    Mais hoje casada e mãe de um bebê lindo perdi esse medo, mais nem todo haha
    Beijos
    http://niviacoelhomakeup.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Aquele tênis foi um grande achado! ;D

    Quando criança sentimos medos bobinhos! rs! Eu mesma tive uma época que não passava sozinha na escada de casa, porque cismei que lá tinha um homem de chapéu.

    Ótima quinta, Carolina!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir

Google+ Followers

LEITORAS

Arquivo de Posts